Lá se pensam, cá se fazem.

Sustentabilidade através do Design

Apesar de as preocupações ambientais fazerem parte dominante da agenda internacional, marketing e pressão social continuam a promover o consumismo, com consequências aos mais diversos níveis, desde a produção diária de quantidades astronómicas de resíduos ao esgotamento de recursos naturais. É difícil resistir à tentação com saldos, promoções, ocasiões especiais, o último grito da tecnologia.... Grande parte dos produtos são intencionalmente concebidos com curta durabilidade, ou sem considerar quaisquer critérios de sustentabilidade. A nossa proposta passa por colaborar com designers de produto que trabalhem, principalmente, com mistura de materiais, para tornar os seus produtos sustentáveis. Prestar serviços de aconselhamento de soluções alternativas de materiais sustentáveis inovadores, materiais reciclados, biodegradáveis ou matérias primas renováveis (tal como a cortiça), e/ou tecnologias de produção com menor impacte ambiental e que permitam uma optimização na utilização de recursos, de forma a conseguir o re-design de produtos. No fundo, fazer a ponte entre investigação/desenvolvimento e design de produto. Estaremos, desta forma, a potenciar, facilitar a inovação, a promover o trabalho de universidades e centros de investigação que estejam na linha da frente do desenvolvimento de tecnologias sustentáveis aplicáveis ao design de produto, desde os mais variados tipos de bioplásticos a materiais geradores de energia ou espumas cerâmicas 100% recicláveis. Apesar de os designers serem frequentemente conscientes da sua responsabilidade social, nem sempre têm um conhecimento suficientemente aprofundado sobre ambiente e sustentabilidade, ou tempo para pesquisar materiais e tecnologias alternativos para criar produtos sustentáveis. Bom design pode ser muito mais do que aspecto e funcionalidade. Numa primeira fase, pretendemos trabalhar com produtos existentes mas, posteriormente, o objectivo será fazer parte da fase de concepção dos produtos, quando ainda está tudo em aberto e as possibilidades são muito mais amplas. Para além da integração de materiais sustentáveis, teremos oportunidade de aplicar os princípios “cradle to cradle”, de McDonough e Braungart. O trabalho partirá de uma análise do impacte ambiental/social do produto considerando, acima de tudo, as matérias-primas utilizadas, transporte, manufactura e fim de vida. A equipa UpCreate passará, então, à pesquisa de materiais alternativos mais sustentáveis com caracteristicas e comportamentos semelhantes aos dos produtos existentes. Será fundamental desenvolver parcerias com universidades e centros de investigação e testar alternativas para conseguir o re-design de cada produto. No fundo, pretendemos fomentar a colaboração entre designers de produto e investigadores, em Portugal e no Reino Unido, potenciar uma troca de experiências que resultará no desenvolvimento de um maior leque de produtos sustentáveis para os consumidores. Em simultâneo, a equipa irá construir uma base de dados de materiais sustentáveis e criar uma galeria física de materiais sustentáveis, que possa ser visitada por designers ou outros profissionais com interesse em design do produto e onde universidades, centros de pesquisa e inovação tenham oportunidade de expor e promover materiais inovadores em desenvolvimento. O espaço de galeria deverá, também, ser usado para organizar exposições temáticas periódicas, incluindo a divulgação de novos designers e artistas que trabalhem sob o lema da sustentabilidade. Finalmente, a equipa Upcreate irá estudar comportamentos e desejos dos consumidores e perceber quais as melhores estratégias para facilitar o acesso aos produtos sustentáveis. Queremos, acima de tudo, potenciar opções “guilt-free”, eliminar sentimentos de culpa, um discurso mais positivo, com opções sustentáveis de elevada qualidade em vez das proibições e restrições frequentemente associadas à protecção ambiental, mas também fomentar uma diminuição do consumismo, uma sociedade mais selectiva no acto da compra. Acreditamos que a oferta de produtos sustentáveis trará uma enorme vantagem competitiva aos designers portugueses e facilitará o acesso ao mercado internacional, atraindo novos clientes focados numa agenda de sustentabilidade e responsabilidade social. Em simultâneo, a equipa UpCreate promoverá a inovação, facilitando a entrada no mercado dos mais variados tipos de materiais e tecnologias sustentáveis. A sociedade beneficiará através do acesso facilitado a uma maior diversidade de produtos sustentáveis e, indirectamente, pelo positivo impacte ambiental e social do projecto.

Sara Encarnacao Tome

Visionário
Londres, Reino Unido

Carmen Wochner

Facilitador
Londres, Reino Unido

Rita Neto

Comunicador
Porto, Portugal

Comentários